Highslide for Wordpress Plugin

Saúde

28 de setembro de 2018

Outubro Rosa alerta para prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama

Outubro é o mês no qual acontece a campanha de prevenção e combate ao câncer de mama. Os cuidados precisam ser tomados ao longo de todo o ano, mas ter um mês dedicado à campanha é importante para as mulheres serem alertadas para a prevenção e diagnóstico precoce. Por isso, a Prefeitura de Extrema, por meio da Secretaria de Saúde, preparou materiais informativos e ações que vão envolver toda a comunidade durante o Outubro Rosa.

No dia 24 de outubro, acontece o Dia D da campanha, na Praça Presidente Vargas, das 9h às 16h. Ao longo de todo o dia, serão oferecidas orientações em saúde, atendimentos voltados para a saúde da mulher e atividades físicas. As interessadas podem procurar as unidades de saúde do seu bairro e participar também de palestras de conscientização sobre a doença.

Em Extrema, atualmente são 20 pacientes em tratamento diagnosticadas com câncer de mama, de janeiro até setembro. A doença é causada pela multiplicação de células anormais da mama, que formam um tumor. Há vários tipos de câncer de mama. Alguns tipos têm desenvolvimento rápido enquanto outros são mais lentos.

O QUE É O CÂNCER DE MAMA?

É o resultado do crescimento descontrolado de algumas células do nosso corpo, que começam a se multiplicar sem parar e formam o tumor maligno. Se a doença demora para ser descoberta e tratada, esse tumor cresce cada vez mais e pode levar a pessoa à morte.

APARECE SÓ EM MULHERES MAIS VELHAS?

Não. Ele atinge principalmente mulheres acima de 40 anos, mas também pode aparecer nas mais jovens. As mulheres entre 50 e 60 anos são as mais atingidas.

POR QUE APARECE?

Não há um motivo determinado, mas alguns fatores contribuem para as chances de a doença aumentar, como a filha, mãe ou irmã ter apresentado câncer de mama antes dos 50 anos ou, em qualquer idade, câncer nas duas mamas ou de ovário.

SE UMA MULHER NA FAMÍLIA TEVE A DOENÇA, TODAS TERÃO?

As chances são maiores, por isso, o cuidado deve ser redobrado.

POR QUE OS CASOS AUMENTAM TANTO?

Porque o estilo de vida da sociedade mudou muito nas últimas décadas, e as mulheres, em especial, passaram a sofrer mais com estresse e hábitos prejudiciais à saúde, como fumar e consumir bebidas alcoólicas em excesso.

TEM CURA?

Sim, o câncer de mama tem 95% de chance de cura, se descoberto no início.

COMO SE DESCOBRE NO INÍCIO?

Com a mamografia.

O QUE É MAMOGRAFIA? DÓI? TODA MULHER TEM QUE FAZER?

A mamografia é um raio-x das mamas, com uma radiação muito baixa, que não faz mal algum. Ela não dói quase nada, se a mulher esperar para fazê-la uma semana depois do último dia de menstruação. É ela que consegue descobrir a doença muito no início, o que faz com que as chances de cura sejam de quase 100%. Toda mulher deve fazer, mas é o medico quem determina quando é o momento para começar a fazer o exame como rotina. Procure seu PSF!

QUAIS OS SINAIS DA DOENÇA?

O câncer pode não dar sinal algum no início, por isso é importante ter os exames de rotina em dia. Com o desenvolvimento da doença, o sinal externo que mais aparece é o caroço nas mamas ou nas axilas. Além disso, a pele e o formato das mamas podem mudar ou o bico soltar uma secreção. Em cerca de 80% dos casos, os caroços são benignos e podem ser percebidos em alguns momentos do ciclo menstrual. Consulte sempre o seu médico.

DÁ PARA EVITAR?

Ter hábitos saudáveis e cuidar da qualidade de vida ajuda muito. Mas, ainda assim, a doença pode aparecer.

O QUE AUMENTA AS CHANCES DE TER A DOENÇA?

Menstruar antes dos 12 anos ou chegar à menopausa depois dos 55 anos aumentam as chances. Há mais riscos quando a mulher não teve filhos, engravidou pela primeira vez após os 30 anos ou é obesa.

O MÉDICO PRECISA APALPAR AS MAMAS DA PACIENTE DURANTE A CONSULTA?

Sim, ele faz isso durante o exame clínico das mamas. Esse exame deve ser anual, e todas as mulheres, seja qual for a idade, devem fazer.

O QUE É O AUTOEXAME? ELE DESCOBRE A DOENÇA NO INÍCIO?

Ele não descobre a doença no início, pois, se a mulher consegue encontrar o tumor quando apalpa as mamas, geralmente é sinal de que ele já não está na fase inicial.  Você mesma faz o exame em casa, apalpando suas mamas e axilas com cuidado. Se perceber qualquer alteração, procure seu PSF. Mas lembre-se: o autoexame é um complemento, não substitui o exame clínico e a mamografia. Faça o autoexame todo mês, contando 7 dias a partir do primeiro dia da menstruação. Se estiver na menopausa, marque um dia fixo todos os meses.